Curso de teologia on-line oferece videoaulas grátis

Prime-Teologia

Estudar Teologia e aprender mais a respeito da Bíblia ficou mais fácil através da Prime Teologia, uma escola on-line voltada para quem deseja aprender mais sobre as Sagradas Escrituras.

O conteúdo é livre e qualquer pessoa, independentemente da idade, denominação ou grau de escolaridade pode participar.  Mesmo aqueles que não possuem chamado ministerial, mas querem conhecer mais sobre a Bíblia.

O destaque da Prime Teologia é o conteúdo das aulas que está dividido em 20 módulos.  O curso completo tem duração de três horas com vídeos, textos e fotos em HD (alta definição, seguindo padrões internacionais de qualidade).

Através desse conteúdo audiovisual o aluno consegue compreender melhor cada uma das matérias, aprendendo de forma rápida as seguintes disciplinas: Introdução a Teologia, Teontologia, Bibliologia, Angeologia, Demonologia, Antropologia, Harmartiologia, Cristologia, Pneumatologia, Soteriologia, Eclesiologia e Escatologia.

O curso é ministrado por professores com capacitação superior em Teologia e a produção usa recursos inovadores e uma didática facilitada que garante total satisfação do aluno. O método é tão eficiente que se o aluno não gostar do curso poderá pedir o dinheiro de volta.

A Prime Teologia é uma escola de teologia totalmente on-line que conta com o apoio da conceituada Prime Cursos, empresa pioneira no ramo de cursos online no país e do portal Gospel Prime. E o melhor: a escola oferece certificado de conclusão válido em todo o território nacional como curso livre. A modalidade de cursos livres é aceita como atualização ou qualificação profissional.

Para quem quiser conhecer o curso ainda é possível se inscrever gratuitamente e assistir cinco aulas sem nenhum custo.

Acesse primeteologia.com.br e saiba mais!

“Sem chance”, diz Chris Duran sobre gravar músicas românticas

Enquanto representantes do gospel pensam na carreira secular, o cantor Chris Duran – sucesso da música internacional no fim dos anos 90 – não pretende largar seu chamado ministerial e rejeita até gravar músicas românticas.

Seu posicionamento pode ser considerado radical e ele sabe disso, mas tem a convicção de que não deve aceitar voltar para a vida que abandonou em 2001 quando estava no auge do sucesso.

“Não gravaria em hipótese alguma uma música romântica, sem chance. A finalidade dos homens não é trabalhar para si. É viver e trabalhar para Deus. Não se deve usar o dom recebido para ser bajulado”, disse ele ao EGO.

Chris Duran critica atitudes de pessoas como Baby do Brasil, Sula Miranda e Rosanah que voltaram a cantar canções não religiosas. “Acho um absurdo certos cantores continuarem a cantar música secular. Jesus disse que numa fonte não jorra água doce e salgada. Posso até aparecer em programas seculares, mas firmando minha postura. O correto é fazer tudo para Deus”.

O cantor francês tem posicionamentos definidos e até se coloca contrário a gravar com cantores de outras religiões. “Não creio no ecumenismo. Segundo a Bíblia, nem todos os caminhos levam a Deus”, disse ele sobre cantar com padres.

Fazer dueto com grandes artistas evangélicos que vivem de aparência também não está nos planos do cantor. “Também não faria duetos com alguns evangélicos que não vivem de fato a palavra. Já vieram me procurar, mas não me interessei, por mais famoso que fosse. Não entrei no ramo gospel atrás de fama”, garante.

Chris Duran tem sete discos evangélicos gravados e viaja o país todo não apenas divulgando suas canções, mas também ministrando a Palavra e anunciando a volta de Cristo. Casado com Poliane, com que tem uma filha, Esther, o religioso não tem medo de dizer que como cantor romântico ganhava muito mais dinheiro do que nos dias atuais.

“Os ganhos daquela época não se comparam aos atuais, mas o prazer compensa. Eu quis uma mudança real de vida, não apenas trocar de estilo musical”, disse.

A conversão de Chris Duran aconteceu após um acidente que o fez ficar em uma cadeira de rodas por alguns meses. A fé foi a cura do vazio emocional que o levou à depressão e que para ele é a razão para que muitos artistas percam suas vidas.

“O mundo em que eles vivem não é real, há muita bajulação. Eu vivia cercado por pessoas que não me completavam. Amy Winehouse, Whitney Houston… Por que tiveram um fim tão drástico mesmo com tanto sucesso? Porque ali havia um vazio. Procurei a palavra para suprir minha vida”, relata.

Ruínas de Igreja histórica são encontradas em Israel

A Autoridade de Antiguidades de Israel (AAI) anunciou nesta quarta (10) que foram encontradas ruínas uma igreja bizantina histórica perto da cidade árabe de Abu Gosh.

Ela tem mais de 1.500 anos de idade e provavelmente era um ponto de parada nos viajantes que se dirigiam a Jerusalém no século 4.

A descoberta surgiu durante as escavações de ampliação da Rodovia 1, a mais importante do país, que liga Jerusalém a Tel Aviv.  Para os especialistas, essa era uma parte importante de um complexo que ficava na rota romana entre a costa mediterrânea e Jerusalém.

As ruínas estão situadas fonte da fonte de água conhecida como Ein Naqa’a. Yoli Shwartz, que comanda a escavação, explica que a igreja mede 16 metros de comprimento, com uma capela lateral de 6,5 por 3,5 metros. Seu piso de mosaico branco está bem conservado. Existe ainda um batistério em formato de trevo de quatro folhas (que simbolizava a cruz) é característico da época.

Num dos quartos adjacentes foram achadas grandes quantidades cerâmica, lâmpadas de óleo, moedas, copos de vidro, fragmentos de mármore e conchas de madrepérola.

Annette Nagar, diretora da escavação, explica: “Este local de parada na estrada deixou de ser utilizada após o declínio do período bizantino, mas a rota existente a seu lado foi renovada e continua sendo utilizada até os tempos modernos”.

Autor confessa que livro sobre visita ao céu é mentira

Em 2010, quando o livro “O céu é de verdade” se tornou um sucesso de vendas, gerando posteriormente um filme que foi igualmente bem-sucedido, muitos líderes cristãos criticaram as narrativas de se descrever o céu em termos que “vão além” do que a Bíblia fala do assunto.  Mesmo assim, a narrativa da ida de Colton Burpo, então com 4 anos – filho do pastor Todd Burpo, autor do livro – ao céu e voltar para contar inspirou milhões de pessoas em todo o mundo.

Na mesma época, outro livro foi lançado, sendo igualmente um sucesso de vendas. ‘The Boy Who Came Back from Heaven’ [O menino que voltou do céu], inédito no Brasil. Seu subtítulo indicava ser uma história real de como Alex Malarkey e seu pai Kevin sofreram um grave acidente de carro. Alex, então com seis anos teria morrido e visitado ao céu. Posteriormente, foi lançado um DVD com o relato deles. Alex ficou paralítico, estando confinado a uma cadeira de rodas até hoje.

Porém, o mercado de livros evangélicos foi abalado na semana passada quando Kevin, hoje um adolescente, decidiu revelar que, ao contrário do relato de Colton Burpo, sua história era ficcional. Ele acusa seu pai, Kevin, de ter se aproveitado do estado do filho, que teve graves sequelas do acidente, e lucrado com uma mentira.

Aos 16 anos de idade, Alex afirma ter se convertido de verdade e não poder mais viver com essa culpa.  Sua mãe, Beth defendeu o filho, dizendo que ele ele tentara contar a verdade antes, mas fora impedido pelo pai. O casal hoje está separado e Beth vive com os 4 filhos.

Ela explica que nem ela nem os filhos tiveram qualquer lucro com as vendas do livro, que também foi lançado em outros países. Os direitos autorais pertencem integralmente a Kevin.

“Minha esperança é que tudo isso pode ser resolvido de uma forma que exalte a Cristo, honrando a verdade (2 Tessalonicenses 2:14)”, disse ela em nota oficial. A Tyndale House, editora responsável pelo livro, mandou recolher das livrarias e suspendeu as vendas online. Maggie Wallem Rowe , responsável pelo departamento de marketing da editora, afirma que há dois anos que a Tyndale trabalhava para “corrigir as imprecisões” detectadas, mas a família Malarkey não concordava.

Grande parte da polêmica inciou em 2013, quando o conhecido pastor e autor John MacArthur fez duras críticas aos fatos narrados em The Boy Who Came Back From Heaven quando lançou seu livro “The Glory of Heaven” [A glória do Céu]. Segundo  MacArthur, era “um dos livros mais enganosos já lançados”.

Tanto o jovem Alex quanto sua mãe, estão fazendo uma campanha online, alertando que os cristãos não se deixem enganar por “revelações sobre o céu”, pois “Existe apenas uma verdade absoluta e infalível: a Palavra de Deus!”. Em outro trecho do seu apelo, afirma: “Eu não morri. Eu não fui para o céu. Eu disse que fui para o céu, porque pensei que iria conseguir chamar a atenção. Quando eu falei todas essas coisas, nunca tinha lido a Bíblia. As pessoas têm lucrado com mentiras. Devemos ler a Bíblia, que é o suficiente. A Bíblia é a única fonte da verdade. É somente através do arrependimento de seus pecados e a fé em Jesus como o Filho de Deus, que morreu por seus pecados, que podemos ser perdoados e aprender sobre o céu que está escrito na Bíblia. Eu quero que o mundo inteiro saiba que a Bíblia é o suficiente”.

As declarações de que sua visita ao céu foi inventada está causando grande debate entre editoras, livrarias e teólogos nos EUA. Por um lado, há quem defenda que todos os livros sobre viagens ao céu e/ou inferno deveriam ser retiorados das prateleiras. Já Paul Wilkinson, dono de uma cadeia de livrarias evangélicas declarou à conceituada revista Christianity Today: “Eu não gosto de tudo que a nossa indústria produz, mas retirar tudo, exceto a Bíblia, significa jogar fora um vasto catálogo de literatura cristã, que inclui desde os escritos dos Pais da Igreja até os grandes clássicos dos séculos 17, 18 e 19. Além disso, muitos dos grandes heróis espirituais alegam terem passado por uma série de experiências estranhas e místicas, que muitos não gostam de falar hoje”.

Igreja Universal confirma que Edir Macedo irá morar no Templo de Salomão

A Igreja Universal do Reino de Deus, por meio de sua assessoria, confirmou que o bispo Edir Macedo irá morar no Templo de Salomão.

A assessoria foi procurada pela equipe de reportagem do Gospel Prime para comentar as informações dadas pela revista Veja São Paulo que afirmou que o líder da denominação vai morar em um apartamento de 1.000 metros quadrados na cobertura da mega igreja.

A resposta foi que “a área construída tem espaço ainda para mais de cinquenta apartamentos, que serão ocupados por pastores, incluindo o que foi preparado para ser a  nova residência de Edir Macedo”.

A revista Veja afirma que o bispo Edir Macedo e sua esposa, Ester Bezerra, já estão morando no local. A filha do líder, Cristiane Cardoso, e seu esposo, bispo Renato Cardoso, também já moram no local. Eles ocupam um apartamento de 200 metros quadrados que fica em baixo do apartamento principal.

O Templo de Salomão foi inaugurado oficialmente no dia 31 de julho, a mega igreja está localizada na Avenina Celso Garcia, no bairro do Brás em São Paulo.

São mais de 70 mil m² de área construída, o que equivale a 16 campos de futebol. O Templo de Salomão tem 126 metros de comprimento, 104 metros de largura, 55 metros de altura com dois subsolos, que corresponde a de um prédio de 18 andares.

A grandiosidade da obra chama atenção de quem passa pela avenida, localizada em um bairro comercial conhecido pelas lojas populares que recebem milhares de pessoas todos os dias.

Na planta do empreendimento há 59 apartamentos do tipo quitinetes, 12 apartamentos com 1 suite e 13 de duas suítes. Esses apartamentos serão ocupados pela alta cúpula da Igreja Universal e também para pastores e bispos que virão de outros estados e países para visitar o megatemplo.

Preservação da família é um dos motivadores do crescimento evangélico, afirma especialista

Por Douglas Pessoa, Juliana Prado e Bruna Perales

Os evangélicos estão em alta no Brasil. É o que aponta o último Censo Demográfico do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em 2000, cerca de 26,2 milhões se disseram evangélicos. Em 2010, eles passaram a ser 42,3 milhões. Ainda assim o país segue com maioria católica. O número de católicos foi de 123,3 milhões em 2010, cerca de 60% da população. No levantamento feito em 2000, eles eram 124,9 milhões, ou 73,6% dos brasileiros.

Ao mesmo tempo em que o número de evangélicos aumentou 61,45% em 10 anos, a comunidade católica sofreu uma queda de 1,3% no índice de fiéis no mesmo período. Segundo especialistas a causa disso é a ênfase em restauração familiar que a mensagem do movimento evangélico prega.

Francisco Borba, coordenador do Núcleo Fé e Cultura da PUC-SP diz que a causa do crescimento dos pentecostais é que para o movimento, Deus é capaz de provocar mudanças concretas e materiais na vida do fiel.

A preservação da família é um dos motivos que, segundo especialistas, serve para explicar o crescimento da Assembleia de Deus no país. De acordo com o censo de 2010, ela é o maior segmento evangélico, com 12 milhões de fiéis, e o segundo maior do Brasil, atrás da Igreja Católica.

Em comparação com a igreja Universal do Reino de Deus, por exemplo, que perdeu 228 mil fiéis nos últimos 10 anos e hoje tem 1,8 milhão de arrebanhados, a Assembleia de Deus prega valores morais mais rígidos.

Nos últimos 10 anos, manteve-se estável a proporção de cristãos. Isso indica tanto uma migração de católicos para as correntes evangélicas e para outras religiões. O segmento dos sem religião também cresceu percentualmente, e chegou a 8% da população em 2010.

O contingente de católicos foi reduzido em todas as regiões e se manteve mais elevado no Sul e no Nordeste. O Norte foi onde houve a maior redução relativa dos católicos.

Feliciano pode perder título de pastor por ter dado entrevista à Playboy

O pastor Marco Feliciano, que é também deputado federal pelo PSC, pode perder seu título de pastor por ter dado uma entrevista à revista Playboy.

A Convenção Fraternar das Assembleias de Deus no Estado de São Paulo (Confradesp) abriu um processo que irá julgar a atitude do pastor podendo lhe gerar uma advertência ou o descredenciamento pastoral.

A notícia foi dada pela Folha de São Paulo que falou com o pastor Lelis Washington. Segundo o pastor o problema não está no conteúdo da entrevista e sim por ter aceitado falar com uma publicação que mostra nudez. “Não é essa literatura que recomendamos aos fiéis”, disse o Washignton.

O chefe de gabinete de Feliciano, Talma Bauer, também foi entrevistado e afirmou que a participação do deputado na revista Playboy de abril foi na verdade um “direito de resposta” concedido por conta de um texto assinado por um humorista que ofendeu Feliciano.

Sobre a possibilidade de perder a credencial de pastor, Feliciano não comentou, pois não foi notificado a respeito da ação da Confradesp. Bauer acredita ser normal que o pastor seja chamado para dar explicações.

A entrevista em questão foi publicada na edição da Playboy de abril onde o Feliciano falou a respeito de diversos temas, comentando sobre a experiência com cocaína que teve na adolescência e seus sonhos de um chegar a ser presidente do Brasil.

Todos os racistas são ateus, diz radialista americano

O radialista cristão Dan Caplis, dos Estados Unidos, comentou em seu programa o caso polêmico das declarações racistas de Donald Sterling, dono do time de basquete Los Angeles Clippers.

Caplis acabou comentando o assunto de uma forma que criou uma discussão entre os ouvintes, pois ele afirmou que “todos os racistas são ateus”.

Na visão do radialista é impossível crer em Deus e tratar uma pessoa com inferioridade por conta da cor de sua pele. “Deus faria alguém menor apenas em virtude da cor de sua pele? Então, meu ponto de partida é que todos os racistas são ateus. Eles não devem acreditar em Deus”, disse.

Mais tarde Caplis precisou explicar que não quis dizer que todos os ateus são racistas, mas sim que o contrário é verdade. “Peço desculpas se foi tomado desta forma, mas alguém nunca poderia ter imaginado que eu estava falando que todos os ateus são racistas. Isso seria uma coisa tola de se dizer. Eu estava apenas dizendo que todos os racistas são ateus”.

Nas redes sociais a declaração do radialista cristão foi bastante comentada, o blogueiro ateu Hemant Mehta se posicionou dizendo que a frase usada durante o programa foi injusta. “É injusto fixar racistas em nossa categoria, e isso só alimenta o estereótipo de que ateus são imorais”.

Sobre o caso Sterling: O magnata do esporte teve uma gravação revelada onde ele aparece dizendo para sua ex-namorada, V. Stiviano, que não gostava de saber que ela tinha amizade com negros, chegando a pedir até que ela não os convidassem para os jogos do time Los Angeles Clippers.

Por conta dessas declarações Sterling foi banido da NBA, não podendo assistir nenhuma partida. O comissário do time, Adam Silver, ainda prometeu vender a franquia da equipe para que Sterling não tenha mais ligações com o Los Angeles Clippers.

Barack Obama pavimenta o caminho para o Anticristo, diz pastor

O novo livro do pastor batista Robert Jeffress tem gerado polêmica nos Estados Unidos. Com o título “Perfect Ending”, a obra fala sobre a aproximação do fim do mundo.

Mas o que realmente chamou a atenção da imprensa local foi a declaração do pastor afirmando que o governo de Barack Obama “está pavimentando o caminho para o Anticristo”.
Chamado para dar entrevista ao Christian Post, Jeffress explicou sua posição em respeito dessa declaração dizendo que no livro ele não afirma que Obama é o Anticristo.

“Quero ser muito claro: não estou afirmando que o presidente Obama é o Anticristo. Na verdade, eu estou absolutamente certo de que ele não é o Anticristo. A razão para que eu possa dizer isso é que a Bíblia indica que o Anticristo terá, por assim dizer, números nas pesquisas mais elevados [Obama está vivendo hoje, segundo o Gallup, a sua maior baixa de popularidade]. Mas eu acredito que o presidente está pavimentando o caminho para um futuro ditador mundial.”

O autor de “Perfect Ending” explicou que de acordo com seus estudos antes do Anticristo chegar as pessoas já estarão condicionadas a desistir de seus direitos fundamentais. “E eu acho que você verá isso no governo do presidente Obama”, afirmou citando o Obamacare, o plano de seguro social nacional do governo.

“Não só isso, o presidente lançou um ataque contra o povo de Deus ao contrário de qualquer outro presidente na história dos Estados Unidos. Quem teria pensado que um presidente dos Estados Unidos estaria indo contra um pequeno grupo de freiras porque elas não se submeteram ao mandato HHS que determina que instituições de saúde religiosas devem oferecer métodos contraceptivos?”, completa.

“Pela primeira vez na história dos EUA você teve um presidente que propôs uma mudança em uma das leis morais mais básicas de Deus, que é o casamento, que deve ser entre um homem e uma mulher. O presidente foi capaz de fazer todas essas coisas e ainda ganhar a reeleição por uma margem confortável”, continuo o pastor batista.

Por estes e outros motivos é que na visão de Jeffress Obama está preparando o caminho do Anticristo. Ele também afirmou que o presidente anterior, George W. Bush, também estava preparando este caminho para o grande ditador mundial que antecederá a volta de Cristo.

Na entrevista ele também citou como será esse ditador dizendo que ele vai usurpar as liberdades fundamentais, como a liberdade de expressão, de adoração e de comércio. Outra característica que o Anticristo mostrará sete anos antes da manifestação de Cristo será a mudança da lei moral de Deus, como está escrito em Daniel 7.25. “Ele também vai ser capaz de realizar todas essas coisas com pouca ou nenhuma oposição, pelo menos no início”, diz.

Vídeo: Valdemiro Santiago participa do programa Domingo Legal

Valdemiro Santiago esteve participando do programa “Domingo Legal” do SBT neste domingo (7), sendo homenageado por seus amigos, podendo contar a sua história e dar risadas com o humorista Pedro Manso que tem feito imitações do apóstolo.

O apresentador Celso Portioli ficou mais de 30 minutos conversando com o fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus (IMPD), que interagiu tanto com o humorista como com o apresentador Ratinho.

Santiago falou sobre sua infância pobre, da forma como deixou a casa de seu pai aos 14 anos de idade e que só voltou a falar com ele quando já era pastor.

Mesmo rouco, por ter pregado para grandes multidões no Rio de Janeiro e em São Paulo, o líder religioso contou toda a sua história de vida, os problemas da família e a pobreza.

A sua conversão também foi tema da entrevista, Valdemiro Santiago conta que conheceu a igreja quando estava em uma crise financeira, sem poder pagar o aluguel.

Ele foi procurar emprego e cansado se sentou na porta de uma igreja. “O pastor passou e falo ‘você está triste rapaz’ e eu respondi que queria um trabalho. Ele me falou: ‘entra que eu vou orar por você'”, relembrou Santiago.

Ao entrar na igreja ele se identificou, chegou a frequentar outras denominações mas acabou voltando para aquela igreja. Foi através da igreja que ele conseguiu se livrar dos vícios.

A produção do SBT conseguiu o depoimento de familiares, amigos, pastores da IMPD, funcionário e parentes do religioso que ficou emocionado pelo carinho que recebeu.

Assista: